João Casal - Volta a Portugal Solidária

Volta a Portugal Solidária – Etapa 24

A “Volta a Portugal Solidária”, criada pelo João Casal, tem como objectivo criar uma onda de Solidariedade a nível nacional, angariando o máximo possível de doações, para a ajudar quem mais precisa.

Nesta quarta-feira, decorreu a etapa 24 da Volta, entre Cascais e Lisboa e, tinha-me disposto há já algum tempo a acompanhar o João Casal na mesma. Chegado 10 minutos depois da hora combinada a Cascais, devido ao horário do combóio, o grupo reuniu-se e partimos em direcção a Lisboa, em ritmo brando.

Antes da etapa, eu e o João falámos algumas vezes, e tentei inclusivé encaminhá-lo para encontrar dormida para ele e para o seu staff através do Lénio (obrigado Lénio, a ajuda foi conseguida, e a equipa dormiu toda nos Bombeiros da Trafaria).

A etapa

No dia e hora da etapa, os sentimentos eram divididos. Cascais é, para mim uma Vila dividida. Já morei, e trabalhei, em Cascais. Foi, até hoje, o sítio onde mais gostei de morar. Foi também o sítio mais longe de tudo onde já morei e foi o sítio onde morei (já morei em 5 “terras” diferentes) que mais me alterou daí, a divisão mas, é “alto sítio”, gosto imenso daquela Vila, do cheiro, da cor, da paisagem.

O percurso, fi-lo no ano passado duas vezes, uma vez a acompanhar o Pedro Coelho e a outra na Maratona de Lisboa, em Outubro passado. Embora por sítios ligeiramente diferentes, resume-se ao mesmo. No arranque, fomos conversando, vendo a paisagem e os veraneantes que (ainda) enchiam as praias aquela hora, ora num ritmo brando ora num ritmo mais vivaço, reunindo-nos algumas vezes com o carro de apoio que acompanha o João nesta volta E, só mesmo com acompanhamento pois a “Volta a Portugal Solidária”, consiste em dar a volta a Portugal, a correr, e tem as seguintes características, mais coisa, menos coisa:

  • Correr durante 53 dias;
  • Saídas de 112 cidades ou vilas;
  • Chegadas a 112 cidades ou vilas;
  • Correr cerca de 40 a 60 kms diários (divididos em 2 etapas);
  • Fazer cerca de 2.600 kms;
  • Passar por todos os Distritos de Portugal (18);
  • Passar por mais de 150 cidades ou vilas;
  • Passar por mais de 800 localidades (cidades, vilas e aldeias).

Nesta etapa, foram mais 27kms para o João, ficando perto dos 585kms em 12 dias. Eu, fiquei-me por Algés e pelos 20kms pois, com o atraso inicial na partida, já ficava tarde para o compromisso que eu tinha em Lisboa às 22 horas.

O João, e a sua família, deixaram-me o sentimento de “espetacular”, e o projecto que estão a levar avante (na carrinha vai a esposa do João, o filho do João, a namorada do filho e a irmã da namorada) demonstra isso mesmo. Sugiro a todos os leitores que consultem a página da “Volta a Portugal Solidária” e que procurem uma etapa onde vos seja possível acompanhar, de certeza que vão gostar. Quanto a mim, espero ainda durante esta Volta arranjar forma de acompanhar mais uma etapa senão, e de certeza absoluta, que nos cruzaremos noutra altura e quem sabe, noutras circunstâncias, porque a vida não é só corrida ;)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *