20150217 Escadinhas Blog

Escadinhas & Subidinhas, 17 de Fevereiro de 2015

Terça-feira de Carnaval, umas escadinhas que ninguém leva a mal.

Este, esteve mesmo para não acontecer. Uma forte gripe, aliada a febre e dores corporais generalizadas, quase que me obrigavam a desmarcar este Escadinhas & Subidinhas para a semana seguinte mas, quis o destino que o Luís Moura pressentisse algo, e se oferecesse de manhã para ajudar no que fosse preciso.

Assim, tendo em conta a sua boa vontade, disponibilidade e experiência como guia em percursos urbanos, aceitei de bom grado a sua oferta,  e no final, tudo correu bem. Dos 115 participantes que diziam “vou” no Facebook, compareceram 34. A média habitual de comparência é de 50%, desta vez, ficou um pouco abaixo mas, é natural, era uma espécie de feriado e, é carnaval, ninguém leva a mal. Das presenças diria que estavam 50/50 de caras novas e de caras habituais, o que é bastante agradável sem dúvida.

Na ementa, os habituais 5 lances de escadas e, um sorteio. Por amabilidade da Trilho Perdido, foi sorteado um dorsal “tudo incluído” para o Abitureiras Night Trail Running da Páscoa, que decorre, como o nome indica, na Páscoa. Com o habitual recurso ao talonário cor-de-rosa e ao random.org, foi então sorteado pelos presentes o dito cujo dorsal, tendo sido o Diogo André Franco o feliz contemplado para participar nesta prova que se prevê memorável. No Verão de 2014 participei numa prova nas Abitureiras e o patamar de qualidade foi alto, para a Páscoa, prevê-se melhor ainda.

Dado o arranque ao percurso, o Luís foi fazendo as honras da casa à frente e eu, optei à última da hora por acompanhar o grupo, escusando-me no entanto a fazer “esforços” devido à situação fisicamente débil em que me encontrava. Tendo isso em conta, outros participantes houveram que não cumpriram os “mínimos de degraus” propostos. Infelizmente, mal tinha forças para mim, desta vez não consegui puxar pelos outros. Participei então, mais como polícia sinaleiro nos cruzamentos e no topo das escadas do que outra coisa qualquer.

Para os mais curiosos da matemática, aqui ficam as escadas e os respectivos degraus em cada uma delas.

  • Beco da Marinha, 79 degraus;
  • Caracol da Graça, 235 degraus;
  • Escadas da Saúde, 147 degraus;
  • Escadinhas de Damasceno Monteiro, 163 degraus;
  • Escadinhas do Bairro América, 91 degraus;

No final, chegados de novo à estação, despedidas rápidas e arranque relâmpago para casa, um banho de água quente era urgente para “tirar o bicho” do corpo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *